A Coleta Seletiva visa separar resíduos orgânicos e materiais recicláveis, onde são recolhidos e separados segundo a sua composição por categorias entre papéis, plásticos, metais e vidros. A Coleta se torna cada dia mais necessária nos locais e nos condomínios, principalmente, onde reúne muitas pessoas e, consequentemente, muito lixo. 

Principais benefícios da coleta: preservação do meio ambiente, melhor qualidade de vida e redução da poluição. 

Para entender como obter uma sustentável reciclagem de lixo em seu condomínio, o ideal é que hajam métodos próprios de funcionamento: 

  • A coleta tem que funcionar de acordo com a logística, a geografia e a segurança do condomínio, ou seja, verifique qual espaço é adequado; 
  • A separação ocorre por meio de quatro lixeiras de recolhimento específico: papéis, plásticos, metais e vidros; 
  • Ou ter contêineres de grande capacidade, um para o depósito de materiais recicláveis e outro para o depósito de resíduos orgânicos. 
  • Definir como o material será coletado; 
  • E, o mais importante, conscientizar os condôminos e os funcionários do condomínio para que juntos consigam transformá-lo em um ambiente mais limpo. 
  • Com isso, converse sobre cada tópico específico em diferentes reuniões: explicar o que é, porque estão implantando e como separar o lixo. 

Sendo assim, note que a responsabilidade, agora, será de cada condômino. Serão responsáveis pelo correto tratamento e transporte do seu próprio lixo em cada lixeira e contêiner. 

Já os funcionários de limpeza devem ser devidamente treinados em como manusear todo o material recolhido, usar os equipamentos adequados e contar com medidas para evitar acidentes.  

Imprescindível lembrar que: 

  • O lixo orgânico não se mistura com o lixo reciclável. A sua separação é fundamental para que a coleta funcione; 
  • Não deixar nada molhado para inutilizará os papéis separados pelos outro; 
  • Não deixar lixo reciclável nas escadas de serviço. 
  • Tomar cuidado com papéis e plásticos, pois são materiais de alta combustão, podendo até causar um incêndio. 

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *